Graduação

Direito

Basicamente, o Direito é uma Ciência Humana, que aborda e estuda as leis brasileiras. O futuro advogado será responsável pela organização da sociedade, ao garantir que os cidadãos cumpram com seus deveres e tenham seus direitos respeitados.

Desde 2016 a graduação em Direito é a mais procurada pelos vestibulandos brasileiros. De acordo com o Censo da Educação Superior do Ministério da Educação – MEC, mais de 879 mil estudantes se matricularam no curso em 2017, ultrapassando a graduação em Administração, que liderou o ranking entre 2009 e 2016.

Duração

5 Anos

Grau

Bacharelado

Matriz

Clique Aqui

Modalidade

Presencial

Matrícula

R$ 199,00

Mensalidade

De: 1.873,95

A partir de: R$ 649,00

Sobre a Graduação

Um dos atrativos para esses alunos é a ampla possibilidade de atuação, já que é possível se especializar em áreas como Constitucional, Penal, Trabalhista ou, ainda, optar por concurso público.

Na Rede de Ensino Doctum, o curso de Direito está disponível em doze unidades espalhadas por Minas Gerais e Espírito Santo: Carangola, Caratinga, Guarapari, Ipatinga, João Monlevade, Juiz de Fora, Leopoldina, Manhuaçu, Serra, Teófilo Otoni, Vila Velha e Vitória.

Garanta já o seu futuro!

Venha para a Doctum!

A Rede de Ensino Doctum oferece vários benefícios para seus alunos.
Além do preço acessível, todos os cursos são reconhecidos com nota máxima no MEC e, estão entre as 50 melhores faculdades do Brasil.
Aqui, sua experiência de aprendizado é transformadora e te prepara para o futuro.
Amplie suas chances no mercado!

Saiba mais sobre a graduação

O Curso de Direito tem duração mínima de 10 semestres (3.760 horas), ou seja, o candidato que deseja ingressar nessa graduação precisa estar preparado para, pelo menos, ter cinco anos de aulas na universidade. Além disso, por ser uma ciência da área de Humanas, a maior parte das disciplinas se baseia no estudo teórico e prático que envolvem as normas jurídicas brasileiras.

O conteúdo da graduação passa por disciplinas como Direito do Consumidor, Civil, Processual, Trabalhista, Penal, Administrativo, Ambiental, Empresarial e Previdenciário.

Esse profissional lidará diretamente com os direitos e deveres dos cidadãos, por isso, também fazem parte da matriz curricular matérias como Antropologia Jurídica, Soluções de Conflitos, Ciência Política, Ética, Filosofia e Psicologia Jurídica, para prepará-lo para lidar com as situações que encontrará no exercício da profissão.

Um dos pontos principais para o futuro graduando em Direito é se interessar pela sociedade em que está inserido, já que essa será a base de todo o curso.

Normalmente, esse estudante gosta de entender os processos que envolvem as pessoas e tem um perfil de tentar resolver as situações. Outra característica é a indignação contra  injustiças. Muitos procuram essa formação para auxiliar na resolução de iniquidades.

É essencial que o Bacharel em Direito goste de ler. Boa parte da graduação terá leituras complexas, principalmente as de leis e da Constituição Nacional. Inclusive, a “Bíblia dos advogados”, o Vade Mecum, traz um compilado das normas vigentes e é utilizado nos cinco anos de curso e após a formação do advogado.

Apreciar o hábito da leitura não é a única exigência para esse estudante. Gostar de escrever também é importante, já que a construção de petições, decisões e argumentações exigem desse profissional um alto conhecimento da norma culta da língua portuguesa.

O objetivo do Bacharelado em Direito é formar profissionais capacitados para atuar nas diversas áreas de formação do futuro graduado.

O curso ensina principalmente a base teórica necessária para que o profissional chegue ao mercado de trabalho preparado para os desafios da rotina atribulada e imprevisível que costuma acompanhar esse profissional.

Apesar de serem mais focadas no estudo da teoria, que será a base para toda a atuação do futuro bacharel, algumas disciplinas também desenvolverão a habilidade prática desses estudantes, principalmente com simulação de julgamentos, na qual os graduandos exercem os papéis de defesa, acusação e também de promotores e juízes.

Quando concluir a graduação, o recém-formado pode optar por atuar em diversos segmentos da carreira de um Bacharel em Direito. A mais tradicional e ampla é optar pela advocacia, em qualquer setor de atuação de preferência desse profissional, já que nem sempre todas as disciplinas interessarão a todos os estudantes.

Para isso, o futuro advogado precisará ser aprovado no Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A prova pode ser realizada já durante o último ano da faculdade. Assim, quando receber o diploma e após realizar o juramento perante o referido órgão de classe, o advogado já pode começar a exercer sua profissão, seja em escritório próprio ou em uma sociedade de advogados já constituída. Pode, ainda, trabalhar na iniciativa privada. 

Outra carreira que também leva muitos estudantes a optarem pela graduação em Direito é a pública. Os concursos públicos que oferecem melhores remunerações – e responsabilidades – normalmente exigem o Bacharelado em Direito. Muitos já entram na faculdade sonhando em se tornarem delegados, promotores, advogados do Estado ou juízes.

Ademais, o bacharel também pode escolher a carreira acadêmica, dedicando-se à educação ao concluir mestrados ou doutorados. Entretanto, para ser professor universitário, o profissional não precisa dedicar-se exclusivamente ao ensino, podendo conciliar a academia com a advocacia ou a carreira pública.